Arquivo da categoria: Vida na escola

recesso escolar

Em algumas cidades o recesso começa em Julho.
Na minha cidade, acho que no meu estado, o recesso começa em Junho, ou seja, o meu já começou 🙂 .

Isso significa, que terei mais tempo para postar no blog.
Além de sair sem mim preocupar, com nada que tenha haver com a escola, pularei do 7º andar de algum prédio, irei vagabundar no twitter, até que meus neurônios peçam para que eu pare, ou não.

Tentarei usar esse recesso ao meu favor,postando com mais frequencia, mais – sabe como é, eu nunca posso mim dar bem em nada, sem que algo mim aconteça logo após – tentarei ser bem mais cuidadoso, para que algum carro não mim atropele, ou que uma roda se solte de algum ônibus, e mim acerte logo em seguida.

Cambada, to mim esforçando.

Graças a minha mudança no meu jeito de escrever no blog, sabem que eu agora tento escrever merdas um pouco mais sérias.

E isso esta mim atrapalhando bastante com as idéias do texto para o blog.

Penso em varias coisas mais nem sempre são coisas legais, na verdade nunca são coisas legais, mas que fazem algum sentido para nossas cabeças, assim tendo agradar a todos, além de mim livrar de ameaças de morte das pessoas que não gostam de mim, ou do blog, mas isso não é papo para o texto.

Para falar a verdade estou escrevendo o que passa na minha cabeça agora, não sei onde isso pode nos levar então…

Mano, vou ser sincero com vocês, varias idéidas nada legais, mais legais mesmo, passam na minha cabeça, mais eu acho que minha vidade não agrada muito a vocês, também, já falo muito da minha vida aqui né?

Leia o resto deste post

Um dia antes da prova.

Faz dias, meses ou décadas que eu ando mim esforçando para não mim dar mal na escola.

Meus amigos e eu, ficamos sentados horas e horas afim de desenvolvermos uma tatica para realizar nosso ano letivo sem problemas.

Ouve algum erro, passamos horas e horas tentando desenvolver tatica para nos  livrarmos de problemas escolares durante o resto das nossas vidas -ou pelo menos até o fim do ano – mas nóis falhamos.

Passamos boa parte do dia sentados ouvindo músicas tão antigas que nem seu pai conhece, não  e não bolamos nada.

Algo estava errado.

Após alguns minutos tentando achar o problema da nossa falta de criatividade, mais nossa capacidade de criar coisas novas não funcionava – aposto que até agora a minha não funciona –  e isso afeta nossa capacidade para fazer tudo, até descobrir o causa de nossa falta de criativida – juro que eu não era assim .

Não achamos o problema, então decidimos fazer da forma antiga – estudando de verdade .

Eu tentei, até agora havia tirado provas decentes, mais na quarta-feira passada , minha professora marcou uma prova para o dia de hoje.

Achei que seria fácio realizar a prova com perfeição sem estudar muito, apenas com ums 2 horinhas um dia antes da prova.

Ledo engano.

Eu sempre deixo para estudar apenas um dia antes da prova, porque assim fica mais fácio lembrar de tudo no dia seguinte.

Tenho que parar com isso.

Foi uma coisa que aprendi com minha prima a muito tempo.

Mas hoje no dia da prova, a professora resolveu ser legal e vez meio que uma revisão antes de entregar a prova.

Mais eu sou um BUUURRO, e deve ficar mais que claro que eu não prestei nem um pouco de antenção.

Pedi para professora dar logo a prova, afinal, eu havia estudado por 2 horas um dia antes, nada poderia dar errado, néeeer ?.

E mais um vez mim enganei, quando olhei para a prova fiz cara de  imbecil, eu falei bem alto.

PUTAAA QUE PARIU !!!.

As pessoas naquela sala ficaram um pouco assustadas, pararam por uns 17 segundo olhando fixo para mim com cara de quem pensava – WTF ?? –.

Não mim abalei emocionalmente, apenas abaixei a cabeça e olhei mais uma vez para a prova com  cara de  idiota e pensei:

FUUUUDEO !!

Então começei a fazer a prova, ou apenas começei a tentar fazer a prova, porque minha cabeça estava cheia de bobeiras e de calculos, mais os calculos que haviam na minha mente não mim ajudariam em nada.

Fiz uma pausa de 15 minutos na sala só para tentar dar uma olhada nas provas das pessoas da minha sala, –  mais não dava -.

Tentei trocar de prova com alguns amigos que haviam estudado 3 horas mais sempre um dia antes da prova. Não dava a professora olhou intessamente para mim , recuei minha prova e mais uma vez abaixei a cabeça.

Eu sabia que  deveria ter estudado pelo menos 1 hora antes da prova, mais não estudei então…

Já havia se passado 30 minutos desde de que a prova havia começado, só depois disso recomecei as tentativas de fazer a prova, fui tentando fazer oque lembrava, a primeira questão estava muito dificil, assim pulei para a quinta, que não tava la muito facio, mais era para marca alternativas, então tentei marca só as que não teriam nada haver.

Sabem existem pegadinhas não provas, e exige muita coragem e concentração para ir marcando oque seus olhinhos vêem pela frente.

Faltavam 47 minutos para a aula acabar e eu só tinha respondido a quinta questão.

Logo comecei a responder com os números que apareciam na minha mente –  só pra não deixar a o prova quase em branco néeeer ? –

Terminei a prova faltando uns 20 minutos para acabar a aula, então a professora mim deixou ir embora.

Ela dizia milhares de vezes que a prova estava facio e que iria corrigir junto com as pessoas da sala.

Um dia ainda vou bolar algo para conseguir fazer minhas provas sem nenhum problema.